5ª edição do FESTA celebra as Artes Negras no Centro de Cultura de Alagoinhas


23 de novembro de 2022, 15:57

 

Foto: Roberto Fonseca

O Centro de Cultura de Alagoinhas sedia até domingo (27), a 5ª edição do Festival de Artes de Alagoinhas – FESTA, celebrando a beleza das Artes Negras e reunindo o público com os artistas locais em um ambiente plural.

A conexão com a ancestralidade é um dos princípios que norteiam o tema deste ano “Alagoinhas Negra”. De acordo com Nando Zambia, Diretor do Centro de Cultura e Organizador do evento, Alagoinhas é uma cidade que tem quase 200 anos e possui várias comunidades remanescentes quilombolas, cuja história tem sido ocultada. “O FESTA se coloca como provocador para que a gente consiga encontrar quais são esses quilombos e quais são essas relações étnico-raciais que tanto nos atravessam”.

Foto: Roberto Fonseca

Nando Zambia reiterou a importância do festival para mostrar a dimensão desses artistas e unir com o público o sentimento de pertencimento, “para que tanto as pessoas negras que estão assistindo, quanto as que estão fazendo o FESTA, possam concretizar e deflagrar conceitual-política e artisticamente que Alagoinhas tem uma Arte majoritariamente negra”.

Foto: Roberto Fonseca

O V FESTA tem o apoio da Secretaria de Cultura, Esporte e Turismo (SECET), por meio de emenda parlamentar da vereadora Juci Cardoso, que falou do esforço pessoal em materializar esse projeto de grande envergadura, “enquanto mulher negra que acredita que cultura deve ser plural e incluir todas as pessoas e todas as manifestações culturais”.

Foto: Roberto Fonseca

A vereadora salientou as múltiplas narrativas – exposições, shows, bate-papos, oficinas e exibição de filmes – “mostrando que a gente tem um monte de produção que precisa ser visibilizada. A cultura deve ser compreendida como um instrumento de desenvolvimento das pessoas que a produzem”, reforçou Juci.

Foto: Roberto Fonseca

As atividade do FESTA acontecem no foyer e nas salas multiuso do Centro de Cultura de Alagoinhas. Na abertura do evento, a rima premiada de MC Manzine, vencedor da Majestade da Gentalha 2022, animou a plateia, que também participou de um bate-papo com o empreendedor negro Tiago Azeviche . Teve ainda o som do cantor e compositor Maurício Santana, seguido de Karaokê para os mais extrovertidos.

Nesta quarta-feira (23), já rolou AGÔ MOSTRA DE CINEMA; bate-papo com o Fórum da Juventude Negra, Nando Zâmbia + Mãe Rosa; Oficina Eu Vejo Você – Dança dos Orixás para não Dançarinos com Fabíola Nansurê e, logo mais, às 19h tem A QUARTA É NOSSA, com Palavrório: Turmalinah + Anny Rastelli Trinca de Paz + Karaokê

 

CONFIRA PROGRAMAÇÃO DOS PRÓXIMOS DIAS:

DIA 24 (quinta-feira)

9h – 22h Exposições

AGÔ MOSTRA DE CINEMA

9h Ìyàwó – Filhos do Encanto / Onan Yá – A Caminhada da Sacerdotisa

Bate-papo: Nando Zâmbia + Mãe Rosa + Fórum da Juventude Negra + GIRL UP

14h Gbagbe – Árvore das Memórias

Bate-papo: Nando Zâmbia + Fórum da Juventude Negra + GIRL UP

16h Jogo da Seleção Brasileira

19h Cultura Hip Hop na Cena + Hiran

20h30 ILÊ ACÚSTICO

Tauã Visceral + Karaokê

 

DIA 25 (sexta-feira)

9h – 22h Exposições

MOSTRA HFOTOGRAFIA

9h Heitor Rocha

14h Nildes Oliveira

19h FOTOBIOGRAFIA E NARRATIVAS

20hILÊ ACÚSTICO

Manas no Poder + João Sereno e O Arrepio + Karaokê

 

DIA 26 (sábado)

9h – 22h Exposições

17h – 19h CAPOEIRA – UMA GINGA NEGRA

Orquestra de Berimbau e Roda de Capoeira

20h ILÊ ACÚSTICO

Sangue Real + Forró com Pimenta + Karaokê

 

DIA 27 (domingo)

9h – 21h Exposições

10h CAFÉ COM BASQUIAT

Okohoa + Pinho Blures + Rafael Fonseca

15hPAPO DANÇANTE

Reijane Santos + Aline Lucena + Lucivania Brighto

17hILÊ ACÚSTICO

Caffé Pitta + Karaokê

 

SERVIÇO

O quê: V Festival de Artes de Alagoinhas – Alagoinhas Negra

Quando: 22 a 27 de novembro de 2022

Onde: Centro de Cultura de Alagoinhas

Quanto: Pague quanto quiser

 

 

 

← voltar

 

Para queixas, sugestões e elogios, clique aqui.