CEREST Alagoinhas promove oficina de apoio técnico-pedagógico em Saúde do Trabalhador para agentes comunitários | Prefeitura de Alagoinhas

CEREST Alagoinhas promove oficina de apoio técnico-pedagógico em Saúde do Trabalhador para agentes comunitários


7 de novembro de 2019, 16:47

Com foco em ampliar o debate sobre saúde do trabalhador e em qualificar agentes comunitários da rede de Atenção Básica, atingindo e sensibilizando, por conseguinte, a população quanto à prevenção de doenças e agravos relacionados a processos produtivos, o Centro de Referência em Saúde do Trabalhador (Cerest Alagoinhas) iniciou, nesta quinta-feira (7), oficinas com três módulos, que incluem discussões sobre Atenção Integral à Saúde do Trabalhador, formas de prevenção a doenças do trabalho e elementos de atuação dos agentes comunitários de saúde.

As atividades são especificamente voltadas aos agentes comunitários do município, que participam de dinâmicas e recebem orientações técnicas da equipe do CEREST.

Foto: Divulgação/CEREST

“Apesar de o CEREST ter 10 anos de implantação no município, esse trabalho nunca foi feito em todo o âmbito municipal. Ninguém conhecia o CEREST. As pessoas não sabiam. Ele era desconhecido. Um órgão de grande importância, porém, no anonimato”, destacou a coordenadora Ana Paula Sales, que falou também sobre o papel do Centro de Referência no encaminhamento, na prevenção a doenças do trabalho e na vigilância em saúde dos trabalhadores urbanos e rurais, independente do vínculo empregatício.

Segundo Cristiane Correia, do CEREST, 214 agentes comunitários serão contemplados com as oficinas e o objetivo é também que esses profissionais contribuam, a partir dos conhecimentos adquiridos e socializados, para o reconhecimento e mapeamento das atividades produtivas do município, colaborando para a construção de linhas de cuidado à Saúde do Trabalhador.

Foto: Roberto Fonseca

“Em maio, o CEREST visitou todas as unidades de saúde. Essa nova etapa, com os agentes comunitários, visa mapear as ocupações, riscos e agravos relacionados ao trabalho para aprimorar o fluxo de referência e contra referência de trabalhadores. O objetivo é qualificar todos os agentes comunitários de saúde, que conhecem a realidade do contexto em que estão inseridos, e, basicamente, capacitar o profissional que está na ponta para fazer a articulação de forma conjunta, atendendo àquelas pessoas acometidas de doenças relacionadas ao trabalho”, pontuou Cristiane Correia.

Foto: Roberto Fonseca

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, a iniciativa é promissora e deve gerar efeitos significativos na redução da taxa de mortalidade decorrente dos modelos de desenvolvimento e dos processos produtivos. O CEREST informou que novas oficinas e ações voltadas à promoção do cuidado e à saúde do trabalhador serão realizadas ainda este ano em Alagoinhas.

Foto: Divulgação

 

 

← voltar

 

Para queixas, sugestões e elogios, clique aqui.