Começa a II Feira de Empreendedorismo de Alagoinhas com oportunidade de negócios e oficinas gratuitas


22 de novembro de 2022, 17:44

Foto: Roberto Fonseca

Quem foi ao Centro da cidade, nesta terça-feira (22), pôde apreciar e comprar os produtos em exposição na II Feira de Empreendedorismo de Alagoinhas, com stands montados no estacionamento da prefeitura. O evento, que segue até sexta-feira (25), é uma oportunidade para novos negócios e um incentivo ao desenvolvimento do micro e pequeno empreendedor.

Rosilene Freitas da Silva trabalha com Moda Infantil e é uma das expositoras. Demonstrando grande animação, ela disse que “participar da Feira é incrível! É muito gratificante levar a nossa marca para o público maior, pois aqui tem uma movimentação de gente o tempo todo”.

Foto: Roberto Fonseca

Rosilene tem uma loja online e disse que apresentar seus produtos ao vivo para o público “é algo grandioso e que nos gera uma enorme satisfação!”.

A artesã Maria Dorely Carvalho, dona do Estúdio Dorely Conceito Afetivo, revelou sua expectativa com a Feira, que acontece das 8h às 13h, sempre no estacionamento da prefeitura. “O nosso trabalho é artesanal e tem muitas pessoas transitando pelos standes”.

Foto: Roberto Fonseca

Dorely disse ainda que acredita muito no empreendedorismo “porque é isso o que a alavanca os nossos negócios, inclusive a criatividade e a tecnologia”.

“A gente vai inventando e se reinventando para sobreviver, sem necessidade do emprego formal. Estamos mostrando a nossa criatividade, o nosso trabalho, o nosso amor e esperamos as boas vendas”, complementou a artesã de mão cheia.

Quem visitar a Feira também poderá contar com serviços gratuitos como corte de cabelo, teste de glicemia, entre outros, oferecidos nos stands da BRACELL e do SENAC. O evento conta com emenda da vereadora Jaldice Nunes.

 

OFICINA DE MEI

Paralelamente, no Auditório da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Meio Ambiente (SEDEA) aconteceu a oficina de MEI, ministrada pelo consultor do Sebrae Bahia Wagner Gomes.

Foto: Roberto Fonseca

Com a presença do secretário Bruno Fagundes, ele salientou que a formalização é importante, sobretudo, porque possibilita criar um negócio legalizado e com acesso a vantagens, como adquirir serviços, tanto do SEBRAE, quanto de outros órgãos. “Ter acesso a crédito, investimentos e muito mais! O MEI abre portas, gera amplitude para galgar o seu negócio em uma escada de crescimento para o empreendedorismo”.

A Feira de Empreendedorismo segue até o dia 25 de novembro. “Vamos aproveitar essa oportunidade para conhecer e comprar os produtos produzidos em nossa cidade e valorizar o empreendedor local”, frisou o prefeito Joaquim Neto.

Foto: Roberto Fonseca

As próximas oficinas a serem realizadas são Designer de Sobrancelha, Adequação Ambiental e Gestão de Resíduos e a Oficina de Crédito oferecida CredBahia, todas no auditório da SEDEA, na Rua Soror Joana Angélica, S/N, Centro.

 

 

← voltar

 

Para queixas, sugestões e elogios, clique aqui.