Transporte público de Alagoinhas ganha aplicativo que vai facilitar a vida dos passageiros | Prefeitura de Alagoinhas

Transporte público de Alagoinhas ganha aplicativo que vai facilitar a vida dos passageiros


11 de maio de 2022, 19:34

Trazer mais inovação e facilidades aos usuários do transporte coletivo de Alagoinhas. Com esse objetivo, a Prefeitura de Alagoinhas, por meio da Superintendência de Transporte e Trânsito (SMTT) , em parceria com o cartão All Card, lançou o aplicativo KIM+, e partir de agora, os passageiros não vão mais precisar se deslocar até um ponto de venda para realizar a recarga do seu cartão de bilhetagem eletrônica, e ainda poderão escolher a forma de pagamento mais conveniente: PIX, cartão de crédito, boleto ou transferência bancária.

A novidade foi anunciada nesta quarta-feira (11), pelo prefeito Joaquim Neto, em evento no Hotel Absolar, que teve participação da primeira-dama do município, Ludmilla Fiscina, do superintendente da SMTT, André Barros, do presidente da  Comissão Especial Intersetorial para Implementação e Acompanhamento do Programa de Requalificação do Sistema de Transporte Público de Alagoinhas, o subprocurador do município, Hilton Ribeiro, do presidente da Câmara de Vereadores, José Cleto, da diretora de Planejamento e Tecnologia da All Card, Jucimara Ribeiro, do presidente da All Card, Thiago Santório,  do Diretor Executivo da KIM +, Maurício Rigotto, do ex-prefeito de Alagoinhas, Chico Reis, vereadores, empresários e imprensa.

 

“Alagoinhas é a primeira cidade do interior do estado e uma das primeiras do país a adotar a tecnologia do KIM+, e isso se deve à visão tanto da All Card, quanto da Prefeitura de Alagoinhas, que tem demonstrado bastante empenho e preocupação em solucionar os problemas e proporcionar mais qualidade e conforto aos usuários do sistema de transporte público”, destacou o diretor executivo da KIM+, Maurício Rigotto, durante a apresentação do sistema. O aplicativo já é utilizado em 52 cidades do país, incluindo Salvador, que já conta com mais de 220 mil usuários.

Pelo aplicativo, o passageiro pode conferir o seu saldo e bloquear seu cartão em caso de perda ou roubo, e nos próximos meses, o KIM+ ainda irá trazer para Alagoinhas outras funcionalidades, como pagamento com QR CODE, mapas com horários de chegada dos ônibus, rotas e pontos de parada. “É mais um passo adiante para reformulação do sistema de transporte público, uma pauta prioritária da gestão. Em meio à crise que atinge o sistema no pais inteiro, todos os esforços estão concentrados para proporcionar mais qualidade e eficiência no atendimento à população “, disse o prefeito Joaquim Neto.

O novo aliado no dia dia dos cidadãos e cidadãs que utilizam ônibus coletivo como principal meio de transporte se soma às estratégias desenvolvidas pela gestão municipal para a requalificação do sistema, visando minimizar o impacto da pandemia, que agravou a crise financeira no transporte público em todo país.

“Entre as ações do se destacam a criação do programa municipal “Bora de Buzu”, que implantou o Sistema de Integração Tarifária, trazendo mais qualidade  aos atendimentos existentes, na medida que reduz o intervalo das viagens e o custo operacional global”, pontuou o presidente da Comissão Especial de Transporte Público, Hilton Ribeiro, lembrando que foi na primeira gestão do prefeito Joaquim Neto, no ano de 2020,  que ocorreu a regulamentação do sistema, com a realização do primeiro processo de licitação do transporte público coletivo em Alagoinhas, mais de 40 anos após o início do serviço na cidade.

O superintendente da SMTT, André Barros, destacou as facilidades agregadas ao sistema. “Hoje iniciamos um novo momento do transporte público de Alagoinhas. Sem filas, de qualquer lugar, os usuários já podem baixar o aplicativo e fazer a recarga do cartão,e logo outros recursos do aplicativo serão disponibilizados, gerando mais conforto, mais agilidade no embarque e mais segurança para o sistema.

O KIM+ está disponível para download gratuito nas lojas virtuais Apple Store e Google Play. Após cadastrar o cartão e realizar a recarga no aplicativo, é só aproximar o cartão de transporte no validador que fica dentro dos ônibus. O mínimo para recarga é de R$ 10,00, todo o processo é seguro e o valor é validado assim que o pagamento é confirmado.

Fotos: Roberto Fonseca – SECOM

 

 

← voltar

 

Para queixas, sugestões e elogios, clique aqui.